segunda-feira, 19 de outubro de 2009

Escolhas, decisões.


Ás vezes a vida é injusta com a gente, e faz coisas que queríamos acontecer, mas não no momento certo, e tudo se complica, se sensibiliza, e aí vem a escolha do bom e ruim, do certo e errado... Mas se na escolha não existe o ruim, e nem mesmo o errado? Só aquele medo de perder algo precioso, ou a pessoa importante venha a cair uma lágrima do seu rosto.
O pior é que ainda existem pessoas no mundo que tem o “dom” de confundir certas proezas com defeitos, tais como preocupada com insensível, seguir a vida, ser feliz, como má pessoa, ou algo do gênero, ou até achar algo, onde não há nada pra achar.
Então, sofro por ser diferente, pelo modo de não aceitar o mais fácil, ter um desafio, mas às vezes só queria ser igual as outras que só tem um amor, e nada de escolhas e decisões de que perturbam, e que a cada segundo a faça chorar.
A vida é difícil, e ainda faço questão de complicá-la e fica presa em quatro paredes, entre um e outro, entre o que devia pensar... Queria conseguir viver sem me preocupar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as Regras:
Todos os comentários são lidos e moderados, antes de qualquer coisa. São publicados os que respeitam as regras:

- Pode haver críticas construtivas, são sempre bem vindas, mas nada de xingamentos.
- Não venha no meu blog somente para colocar o seu link e propaganda, se eu me interessar eu vejo o seu blog.
- Comente coisas que tenham a ver com o texto.
- Nada de links de propaganda de loja, canal e afins.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...