sexta-feira, 11 de junho de 2010

Numa madrugada de junho.


À meia noite e meia de um começo de segunda-feira, aqui estou eu escrevendo, ao invés de dormir. Aliás, não estou com um pingo de sono, pois a noite foi estressante, estressante o bastante para eu não dormir direito, apesar de estar me sentindo cansada mentalmente e corporalmente.
Estou extremamente aliviada de tudo ter acabado bem, apesar do meu pessimismo, em questão disso, chorei, estou chorando desde quinta-feira, até hoje. Mas hoje, foi pior, posição fetal, num closet, chorando histericamente que nem um recém-nascido sem a mãe, ou até pior; Com a coberta em cima de mim, um travesseiro, e um urso de pelúcia para eu apertar... Me corroendo, chorando da maneira mais horrível, gritando não acreditar, e pedindo uma faca para me matar.
Nunca pensei, em toda a minha vida, que ficaria assim algum dia, e ainda mais por tal causas, senti o que me esperava, antes de saber se era verdade, se era isso que iria acontecer. Porém, me prendia nesse pensamento, e chorei o que devia chorar hoje e todas as outras coisas, de todos os outros sentimentos ruins.

Agora que tudo parece resolvido, sinto, que talvez, só talvez, eu possa voltar a sorrir! Meu coração nunca se comunicou e passou tantas sensações para mim, como hoje. O dia em que parei de viver baseada na frase " foda-se e seja feliz" e começar a ouvir a quem realmente se importa comigo.
Não ouvir as pessoas, as vezes pode ser um erro. Acreditar em tudo que falam, também. Achar que alguém é um anjo, só porque ela diz, ou que é um demônio, só porque ela diz, não é algo que recomendo. A reputação diz muito sobre você, você pode ser aquilo que pensam que você é, e nem está percebendo.
O perdão é um ato de amor, não se esqueça disso, na hora de pensar em não perdoar alguém, principalmente se tem um grande carinho por ela.

E antes d'eu dormir e ter pesadelos ou sonhos, deixo cair minha última lágrima no papel, de felicidade, tristeza e agradecimento ao mesmo tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as Regras:
Todos os comentários são lidos e moderados, antes de qualquer coisa. São publicados os que respeitam as regras:

- Pode haver críticas construtivas, são sempre bem vindas, mas nada de xingamentos.
- Não venha no meu blog somente para colocar o seu link e propaganda, se eu me interessar eu vejo o seu blog.
- Comente coisas que tenham a ver com o texto.
- Nada de links de propaganda de loja, canal e afins.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...