quarta-feira, 11 de maio de 2011

Dê ouvidos ao seu coração. - Parte final.

 Parte 1    Parte 2      Parte 3     Parte 4     Parte 5   Parte 6   Parte 7    Parte 8     Parte 9    Parte 10 Penúltima Parte.    

Vira para ver quem é, com esperança que fosse Miguel, dizendo o quanto a ama e que tudo aquilo foi um impulso. Mas não era, era um garoto do ultimo ano que ela só sabia quem era ele por causa de uma festa ao qual ele estava bêbado e insinuava amar ela. E desde aquele dia sentia vergonha de falar com ele, e nem tinha vontade. O nome dele era Brian.
Ele parecia preocupado com Samanta, e sentou ao seu lado pra conversar, e dar conselhos sobre a vida e sobre tudo que já passou, até que começou a contar uma história para ela, uma história que parecia que ela já tinha ouvido. Como um dejavu.
  
— Um certo dia, numa festa, há uns 1 ano atrás, eu estava me divertindo, até que chega o amor da minha vida, naquela festa que não estava a sua altura. Quis criar coragem pra dizer-lhe que a amava, mas a coragem não estava lá, porém a bebida estava, a usei como pretexto, fingi estar bêbado, subi em cima da mesa e me declarei pra ela. E depois disso, ela sentiu vergonha de mim, mas tenho certeza que ela ainda se lembra de mim, e do meu nome, e só saber que de alguma maneira estou na mente dela, estou feliz demais. Então não fique triste por causa dessas coisas da vida, o amor pode estar aí, só cabe a você enxergar. – Brian disse, olhando para o céu, relembrando momento por momento
— E existe alguma maneira de enxergar o certo? Porque eu enxergo o que eu quero. Mas o que aconteceu com o seu amor? Onde ele está agora? Com quem? – Samanta estava curiosa.
- Bom, ela está triste, e está do meu lado agora. E se ela aceitasse um abraço meu, estaria disposto a dar esse ombro amigo á ela. Porque a amizade também importa. - e colocou a mão em sua cintura, como se estivesse prestes a abraçá-la
— E-E-Eu? É, tudo bem, pode me dar um abraço – Meio que surpresa.

Os dois se abraçaram de uma maneira muita carinhosa, Brian começou a contar piadas pra fazê-la rir, e deitaram na grama. Ficaram olhando um para o outro, até que os olhos se encontraram, e cada um, tinha a chave para o coração do outro. Tudo estava entendido,  houver palavras demais para isso, e olhares também foram suficiente. Os dois se beijaram.  Miguel chegou nessa hora, ficou arrasado, e percebeu que perdeu aquela que não teve nem a oportunidade de ganhar, por erros bestas. E ele não teve nem a chance de se explicar.
Brian e Samanta eram alma gêmeas, e descobriram somente depois de muito tempo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Leia as Regras:
Todos os comentários são lidos e moderados, antes de qualquer coisa. São publicados os que respeitam as regras:

- Pode haver críticas construtivas, são sempre bem vindas, mas nada de xingamentos.
- Não venha no meu blog somente para colocar o seu link e propaganda, se eu me interessar eu vejo o seu blog.
- Comente coisas que tenham a ver com o texto.
- Nada de links de propaganda de loja, canal e afins.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...