Sonhos estranhos e distintos à perseguiram em uma só noite. Houveram sonhos de terror; de drama, mas um drama mais romântico; de amor; e sonho de sonho, sabe sonho do que sempre se sonha sem precisa fechar os olhos?
Ela teve um pesadelo com espíritos, relacionado a espelho, e que estava brincando com ela. O bafo que ficava do espelho, sem ao menos ter como ter um bafo, aparecia o rosto dela, de várias formas, sorrindo, normal, e assustada. Larissa - no sonho, logicamente - pegou um batom vermelho e começou a escrever o enfrentando, e então acordou. Se sentiu tão, mas tão ameaçada.
Houve outro sonho, real demais. Lá estava ela, adulta, com todos seus sonhos realizados. Grávida de seu tão amado marido. Não mais amado do que Otávio.
Mas Otávio era um passado distante e complicado. Um dia em seu trabalho, a secretária atende o telefone, e passa para Larissa dizendo ser Otávio. Ele descobriu seu número e queria vê-la. Então no dia seguinte se viram.
Ah, e quando se viram foi mágico. E ele só a viu com aquele carinho. Seu marido não sabia que estava grávida, sabia a pouco tempo. Então Otávio disse todos os seus erros, e pensou ser tarde demais, e que todas as promessas podiam ser comprida agora. Que estava preparado. Larissa só disse que ela não, que estava grávida, feliz e casada. Que daria tudo para ter algum romance com ele novamente, porém só se estivesse disposto a esperar. Muito tempo depois seu filho nasce... O nome? Otávio! E passa em todos os noticiários, ele se sentiu privilegiado. E ela acordou.
E sonhos de amor, e sonhos dos sonhos. Tantas esperanças e medos ao fechar os olhos. Acreditava demais naquilo, que seria possível, que não seria em vão. Mas será? E se não fosse? Era difícil parecer tudo aquilo parecer fácil para se lidar. E Larissa não tinha nem uma mínima dica, e nem coragem para arrancá-la.


Deixe um comentário

Leia as Regras:
Todos os comentários são lidos e moderados, antes de qualquer coisa. São publicados os que respeitam as regras:

- Pode haver críticas construtivas, são sempre bem vindas, mas nada de xingamentos.
- Não venha no meu blog somente para colocar o seu link e propaganda, se eu me interessar eu vejo o seu blog.
- Comente coisas que tenham a ver com o texto.
- Nada de links de propaganda de loja, canal e afins.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...