Depois de muito tempo, aconteceu. Achava que não ia acontecer mais, e que eram coisas do passado, mas aconteceu.
Desligamos o telefone brigados, e você nem se importou de me deixar um pouquinho melhor antes de desligar. Me fez chorar, e pareceu não se importar muito com isso. Eu estava feliz e calma até essa ligação, tinha até dito a você que finalmente ia ficar calma depois desse semestre deturpado. Mas parece que eu feliz e calma não é a sua meta.
Você não brigou só uma vez comigo, como duas. Foram duas ligações. A primeira você brigou comigo por causa da minha família, por causa dos meus problemas com a minha família, me julgando errada ou injusta. Desligou o telefone sem se importar, e sem me deixar melhor. Na segunda ligação, eu já estava me sentindo mal pelo jeito que fui tratada e ia comentar que parecia que você não queria mais falar comigo. E não queria mesmo. Assumiu. E começou com histórias absurdas de eu não gostar de ninguém, e me perguntando se eu gostava de alguém além de você, ainda insistindo nos meus problemas de família.
Depois de um tempo, começou a falar que não me queria numa saída com os seus amigos, arranjando desculpas como "Você não quer ficar no meio de um monte de homem e sem assunto". Nem parece que me conhece, sendo que eu geralmente me dou muito melhor com homens do que com mulher. Sempre tive amigos homens e sempre me queixei sobre as possíveis amigas mulheres. Depois de eu argumentar bastante, e falar que na verdade isso parecia vergonha ou medo de estar comigo, você finalmente assumiu. É, tinha medo de eu sair com seus amigos, porque pelo que parece eu nunca fiquei o tempo suficiente nos lugares com você, até mesmo quando eu estava passando mal, mas isso parece que não importa.
No momento, minha gastrite está atacando, estou com refluxo e obviamente passando mal de nervoso, sem contar o choro.
Minha vontade era ter desligado na sua cara.


Deixe um comentário

Leia as Regras:
Todos os comentários são lidos e moderados, antes de qualquer coisa. São publicados os que respeitam as regras:

- Pode haver críticas construtivas, são sempre bem vindas, mas nada de xingamentos.
- Não venha no meu blog somente para colocar o seu link e propaganda, se eu me interessar eu vejo o seu blog.
- Comente coisas que tenham a ver com o texto.
- Nada de links de propaganda de loja, canal e afins.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...